SINTOMAS DO SÍNDROME DE RETT

 

  • Regressão na comunicação e no desenvolvimento social, frequentemente considerado semelhante ao autista.
  • Pequena capacidade para gatinhar.
  • Perda das capacidades manuais, anteriormente adquiridas.
  • Lavar das mãos repetitivo, torcer as mãos, bater as palmas, morder as mãos e outros movimentos estereotipados que se tornam constantes.
  • Diminuição do ritmo de crescimento da cabeça à medida que a idade aumenta.
  • Falta de firmeza no andar, andar com uma base larga, com as pernas rígidas e ás vezes caminhar nas pontas dos dedos dos pés. (Apenas aproximadamente metade das raparigas com este Síndrome são capazes de caminhar em alguma fase da sua vida).
  • Atraso mental profundo.
  • Hiperventilacão e/ou paragens respiratórios.
  • Ranger os dentes.
  • Fazer esgares.
  • Redução da gordura e da massa muscular.
  • Balouçar o tronco, que muitas vezes envolve os membros, particularmente quando a rapariga está aborrecida.
  • Fraca circulação das extremidades inferiores, com os pés e as pernas muitas vezes frios, com um vermelho azulado.
  • Espasticidade progressiva à medida que a idade progride.
  • Mobilidade diminuída com a idade.
  • Deformação da coluna (escoliose).
  • Prisão de ventre.
  • Manifestações epilépticas, (que podem começar em qualquer idade).
  • Diminuição das características autistas, com a idade.
  • Nem todas as raparigas apresentam todos estes sintomas. O Neurologista Pediatra, ou o Pediatra do desenvolvimento deve ser consultado, a fim de confirmar o diagnóstico clínico.
Go to top